Most Beautiful Miss World: 56th Place – Miss World 1975.

56th Place – Miss World 1975

Wilnelia Merced (Puerto Rico)

1017765_352828311545988_7723326336072271686_n

Uma jovem estudante de 18 anos de idade foi surpreendida ao ser anunciada como a Miss Mundo daquele ano. Ela estava representando seu país Puerto Rico, onde habitava em uma pequena vial.

Suas primeira palavras após ter sido anunciada como a grande vencedora da competição daquele ano foi: “Eu não posso acreditar. É uma surpresa” ela foi eleita em Royal Albert Hall, que se localiza em Londres.

Ela foi escolhida por um painel de nove juízes – cinco homens e quatro mulheres. Num grupo de 67 misses.

A beleza de pele morena – a primeira porto-riquenha a se tornar Miss Mundo – falou de sua aldeia, Caguas, dizendo: “A vila inteira vai estar pulando de alegria esta noite.”

Miss World 1975

o resultado final foi o seguinte:

Winner: PUERTO RICO – Wilnelia Merced

1st Runner Up: GERMANY – Marina Langner

2nd Runner Up: UNITED KINGDOM – Vicki Harris

3rd Runner Up: CUBA – Maricela Maxie Clark

4th Runner Up: YUGOSLAVIA – Ladija Verkovska

7 Finalists:

HAITI – Joelle Apollon
VENEZUELA – Maria Conchita Alonso 

15 Semi-finalists:

AUSTRALIA – Anne Davidson
FINLAND – Leena Vainio
INDIA – Anjana Sood
LEBANON – Ramona Karam
MAURITIUS – Mariella Tse-Sik-Sun
SAINT LUCIA – Sophia St Omer
SOUTH AFRICA – Rhoda Rademeyer
URUGUAY – Carmen Abal

Award Contestant
Miss Personality
  •  Singapore – Maggie Siew Teen Sim
Miss Photogenic
  •  Swaziland – Vinah Thembi Mamba

MISS MUNDO BRASIL

Zaida Costa da Bahia foi a Miss Mundo Brasil 1975. A bela baiana encantou os ingleses e foi uma das favoritas dos fotógrafos que cobriam o Miss Mundo. Porém, ela não foi incluída no grupo de semifinalistas;

A Miss Mundo foi a bela mulata Wilnelia Merced Cruz de Porto Rico, deixando a Miss Alemanha, favorita do presidente do concurso, o Sr. Eric Morley, em segundo lugar. Mr. Morley respirou aliviado na manhã seguinte, quando um jornal de tablóides publicou uma foto da Miss Alemanha com os seios à mostra. Após os escândalos de 1973 e 1974, isso era tudo o que o Miss Mundo não precisava naquele momento!

A quarta colocada, a cubana radicada na Venezuela Maria Conchita Alonso, tornou-se uma das atrizes mais populares da América Latina;

O concurso comemorou o seu vigésimo-quinto aniversário com 10 convidas ilustres: Kiki Haakanson (Miss Mundo 1951, Suécia); Denise Perrier (Miss Mundo 1952, França); Carmen Duijm Zubillaga (Miss Mundo 1955, Venezuela); and Penelope Coelen (Miss Mundo 1958, África do Sul); Corine Rottschafer (Miss Mundo 1959, Holanda); Rosemarie Frankland (Miss Mundo 1961, Reino Unido); Carole Crawford (Miss Mundo 1963, Jamaica); Ann Sidney (Miss Mundo 1965, Reino Unido); Reita Faria (Miss Mundo 1966, Índia) e Belinda Green (Miss Mundo 1972, Austrália).

1975 foi o último ano em que a Miss Mundo foi coroada em traje de banho.

Anúncios

Most Beautiful Miss World: 57th Place – Miss World 1955.

57th Place – Miss World 1955

Susana Duijm (Venezuela)

10250205_1556606384553221_3412130708661860333_n

Susana Djuim tinha 19 anos de idade quando foi eleita Miss World.

Ela tem longos cabelos negros e era uma das meninas mais altas neste concurso de beleza. E uma de suas ambições era se tornar uma modelo famosa.

A segunda colocação ficou com a Miss USA Margaret Anne, e o teceiro lugar com Julia Georgina, da Grécia (Greece).

Resultado Final:

Winner: VENEZUELA – Carmen Susana Duijm Zubillaga
2nd Place: UNITED STATES – Margaret Anne Haywood
3rd Place: GREECE – Julia Georgia Coumoundourou
4th Place: CUBA – Gilda Marín
5th Place: SWEDEN – Anita Åstrand
6th Place: FRANCE – Gisele Thierry

A Miss France foi eleita como uma das favoritas nas preliminares do concurso. E parece que ao final da noite ela ficou revoltado com sua classificação.

Ao todo 21 misses participaram da competição.

Neste ano não houve representante do Brasil.

Most Beautiful Miss World: 58th Place – Miss World 1998

58th Place – Miss World 1998

Linor Abargil  (Israel)

10639659_1556946577852535_5890240309783149118_n

Miss Israel, uma jovem de 18 foi eleita naquele ano a mulher mais bela do Mundo.

Linor deveria se apresentar ao serviço militar israelense, mas seu pai, Jackie Abargil, disse que espera que o exército vai adiar sua indução para que ela possa cumprir seus deveres de concurso de beleza de um ano.

Depois que ela foi coroada, a nova Miss Mundo disse que queria se tornar uma advogada.

Miss France Veronique Caloc, foi a segunda colocada, e a Miss Malaysia foi a terceira colocada.

Pelo segundo ano consecutivo, o concurso foi realizado nas Ilhas Seychelles.

Entre os juízes estavam piloto Fórmula 1 Jacques Villeneuve, Eric Morley, Presidente Miss Mundo, Diana Hayden Miss World 1997, Pilin Leon, Miss World 1981.

A controvérsia veio para o concurso deste ano, com a entrada da Croácia, Lejla Šehović, uma estudante de administração de empresas despojado de seu título pela franquia Miss Mundo de seu país, porque ela é uma muçulmana. Os muçulmanos são uma minoria entre os 4,7 milhões de pessoas da Croácia. Os Juízes votaram uma segunda vez e concedeu a coroa para uma católica romano, Ivana Petkovic, mas as manifestações eram tão grande, que a coroa foi devolvida à Šehović, com a condição de que Petkovic representaria Croácia ano seguinte.

A produtora britânica acabou com os saltos altos e desfile maiô perante os juízes. Em vez disso, as misses desfilaram em diferentes conjuntos de roupas, desde um look casual para vestidos de festa. Em vez de falar sobre si mesmas, eles falaram sobre amigos e carreiras futuras.

Winner: ISRAEL – Linor Abargil
1st Runner Up: FRANCE – Véronique Caloc
2nd Runner Up: MALAYSIA – Lina Teoh Pik Lim

10 Semi-finalists:
PERU – Mariana Larrabure de Orbegoso
CHILE – Daniella Campos Lathrop
BRAZIL – Adriana de Souza Reis
UNITED STATES – Shauna Gambill
JAMAICA – Christine Straw
SOUTH AFRICA – Kerishnie Naicker
CZECH REPUBLIC – Alena Seredova

Continental Queens Contestant
Africa
  •  South Africa – Kerishnie Naicker
Americas
  •  Chile – Daniella Campos
Asia & Oceania
  •  Malaysia – Lina Teoh
Caribbean
  •  Jamaica – Christine Straw
Europe
  •  Israel – Linor Abargil

Awards:

Miss Photogenic: BRAZIL – Adriana Reis
Miss Friendship: SEYCHELLES Antoinette Grand´Court


MISS MUNDO BRASIL 

Adriana Luci de Souza Reis, a Miss Mundo Brasil 1998, representou a cidade de Ouro Branco no Miss Minas Gerais e perdeu. Indicada por Rondônia, foi coroada Miss Mundo Brasil e no concurso internacional, realizado em Seicheles, além de ter sido semifinalista foi também eleita Miss Fotogenia (única brasileira a ganhar esse título na história do Miss Mundo);

Outra derrotada em Minas Gerais, a Miss Acre, Alessandra Costa Couto, foi a quinta colocada no concurso nacional, dando ao Acre a sua segunda melhor colocação na história do Miss Mundo Brasil. Curiosamente, a Miss Minas Gerais sequer figurou entre as 12 semifinalistas;

No concurso realizado na paradisíaca Seicheles, venceu a Miss Israel, Linor Abargil, em um resultado surpreendente. Após ter sido eleita, Linor revelou à imprensa que havia sido estuprada na Itália pouco tempo antes de participar do Miss Mundo. Desde então, ela trabalha com ONGs que apoiam mulheres que já passaram por esse tipo de abuso e violência;

O Miss Mundo 1998 foi uma super produção. O palco futurista, por exemplo, foi construído sobre o Oceano Índico. A platéia assistiu o evento da praia!
Onze anos mais tarde, em 2009, a irmã de Adriana, Luciana Bertolini, seria também eleita Miss Mundo Brasil como representante de Roraima.

Most Beautiful Miss World: 59th Place – Miss World 1970

59th Place – Miss World 1970

Jennifer Hosten  (Grenada)

10250205_1556606384553221_3412130708661860333_n

Miss World 1970
Israel (2nd), South Africa (4th), Greanada (Winner), Africa South (1st), Sweden (3rd)

O Miss World 1970, foi um concurso marcado de manifestações.

A Miss Grenada disse que não entendia o porque das manifestações e o porque que eles queriam destruir o concurso.

“Eu realmente mão sei o suficiente sobre o que eles estavam protestando”, disse ela, que ainda completou “Tudo que sei é que tem sido uma experiência maravilhosa da minha vida concorrer ao título de Miss World”.

Jennifer ignorou as queixas que foram feitas a ela após ter sido coroada Miss Mundo, isso porque o primeiro ministro de seu país estava fazendo parte do corpo de jurados.

Ela disse que não estava preocupado com as queixas de telespectadores sobre sua vitória. “Havia muitas meninas e todos têm direito a ter a sua favorita,” disse Miss Hosten.

Miss South Africa, Pearl Gladys de 20 anos de idade, ficou com a segunda colocação. O terceiro lugar ficou para a Miss Israel Irith Lavi, ela  tinha 18 anos na época, a quarta colocada foi a Miss Sweden Christel Johansson.

Final Results:

Winner: GRENADA – Jennifer Hosten
1st Runner-Up: AFRICA SOUTH – Pearl Jansen
2nd Runner-Up: ISRAEL – Irith Lavi
3rd Runner-Up: SWEDEN – Majorie Johansson
4th Runner-Up: SOUTH AFRICA – Jillian Elizabeth Jessup

7 Finalists:
BRAZIL – Sônia Yara Guerra
UNITED KINGDOM – Yvonne Anne Ormes

16 Semi-finalists:
AUSTRALIA – Valli Kemp
CEYLON – Yolanda Shahzadi Ahlip
ECUADOR – Sofia Monteverde Nimbriotis
GUYANA – Jennifer Diana Evan Wong
INDIA – Heather Corinne Faville
PHILIPPINES – Minerva (Minnie) Cagatao
UNITED KINGDOM – Yvonne Anne Ormes
UNITED STATES – Sandra Anne Wolsfeld
YUGOSLAVIA – Teresa Djelmis


MISS MUNDO BRASIL– Sônia Yara Guerra, uma bela morena “tipo exportação” de São Paulo, foi escolhida para representar o Brasil no Miss Mundo, e fez bonito: foi uma das 7 finalistas;
– O Miss Mundo 1970 foi um dos mais controvertidos da história. Tentando acalmar a fúria dos protestos contra a participação de uma Miss África do Sul branca, Julia Morley, diretora do concurso desde 1968, permitiu que fossem eleitas duas misses na nação sul-africana, sendo uma branca (“Miss South Africa”) e uma negra (“Miss Africa South”). A reação da mídia foi ainda mais intensa, uma vez que tal decisão fora interpretada como incentivo ao Apartheid;
– Manifestantes (contra o Apartheid e feministas extremistas) tentaram explodir sem sucesso o caminhão da BBC que geraria o sinal de transmissão do evento. Alguns deles invadiram o Royal Albert Hall, levando placas de protesto, usando instrumentos barulhentos, e atirando objetos nos jurados. Eles foram vaiados pelas mais de 5000 pessoas que lotavam o teatro e retirados por oficiais da polícia;
– A mulata Jennifer Hosten, da pequena nação caribenha de Granada, foi eleita Miss Mundo 1970. Em segundo lugar outra negra, a polêmica “Miss Africa South”. A vitória de uma candidata negra pode ter acalmado os ânimos de alguns, mas por outro lado, gerou fúria entre muitos ingleses, que prosteram contra o resultado durante semanas na sede da BBC de Londres. Além do embaixador de Granada ter sido um dos jurados, a grande favorita, Miss Suécia, obteve 4 votos para primeiro lugar, contra apenas 2 da Miss Granada, e acabou na quarta colocação. Acontece que a Miss Granada obteve mais votos para segundo e terceiro lugares, e na média, alcançou uma melhor pontuação que a representante sueca.
– Em St. John’s, capital de Granada, a Miss Mundo 1970 foi recebida como heroína nacional, com direito a 6 selos confeccionados em sua homenagem, e feriado

Most Beautiful Miss World: 60th Place – Miss World 1978

61th Place – Miss World 1978

Silvana Suárez Clarence (Argentina)

Com apenas 19 anos de idade Silvana Suárez foi eleita Miss Mundo 1978, representando Argentina.

A estudante de arquitetura bateu outras 67 concorrentes no concurso anual, que ocorreu em Londres.

Miss Mundo foi assistido e televisionado pelo mundo inteiro. Estima-se que maios ou menos 300 milhões de pessoas assistiu ao espetáculo.

Casas de apostas, jornalistas, missólogos elegiam as Misses Australia, Denise Coward de 23 anos de idade, ela trabalhava como recepcionista, e a Miss México Martha Eugenia Ortiz Gomez, de 18 anos de idade como as grandes favoritas para vencer o concurso daquele ano. Mas não foi isso que ocorreu. Ambas emplacaram um Top 5.

Miss Australia ficou com terceira colocação. E a Miss México com a quarta posição.

Foi uma das coroações mais emocionantes do Miss Mundo. A Miss Argentina parecia não acreditar que seu nome foi anunciado como a grande vencedora da competição.

Os resultados finais foram:

Miss World 1978
MEXICO (4th); SWEDEN (2nd); ARGENTINA – (Winner); AUSTRALIA (3rd); SPAIN (5th).

 Winner: ARGENTINA – Silvana Suárez Clarence
1st Runner Up: SWEDEN – Ossie Margaretha Carlsson
2nd Runner Up: AUSTRALIA – Denise Coward
3rd Runner Up: MEXICO – Martha Eugenia Ortiz Gómez
4th Runner Up: SPAIN – Gloria Valenciano Rijo

Top 7:

UNITED KINGDOM – Elizabeth Jones
SWITZERLAND – Jeanette Keller

Top 15:

AUSTRIA – Doris Elizabeth Anwander
COSTA RICA – Maribel Fernández García
FINLAND – Eija Hillevi Laaksonen
INDIA – Kalpana Iyer
PUERTO RICO – Maria Jesus Cañizares
SRI LANKA – Manohori Vanigasooriya
UNITED STATES – Debra Jean Freeze
VENEZUELA – Patricia Tóffoli

MEXICO (4th); SWEDEN (2nd); ARGENTINA – (Winner); AUSTRALIA (3rd); SPAIN (5th)
Award Contestant
Miss Personality
  •  Cayman Islands – Wendy Lorraine Daykin
Miss Photogenic
  •  Mexico – Martha Eugenia Ortiz Gomez
Miss Talent
  •  Philippines – Louvette Monzon Hammond


Miss Mundo Brasil

Laura Angélica foi a segunda baiana a representar o Brasil no Miss Mundo. Ela não se classificou.

Em 1978 a Argentina conquistou o “bi” no Miss Mundo com a vitória de Silvana Suarez. A bela portenha teve a mesma dificuldade de boa parte das misses latinas eleitas Miss Mundo: aprender o idioma inglês!

Miss Costa Rica, Maribel Fernandez, tornou-se uma das mais populares atrizes de telenovelas mexicanas. É famosa e atuante até os dias de hoje.

A Miss Tunísia chegou a ser desqualificada ao recusar-se a tirar o véu que cobria seu rosto para as fotos oficiais. Após muito choro e pedidos de desculpas, a organização reconsiderou sua decisão e permitiu que representante da Tunísia permanece, desde que, cumprisse com o regulamento do Miss Mundo. Tirar o véu não foi mais problema para a jovem, que acabou competindo inclusive em traje de banho

Most Beautiful Miss World: 61th Place – Miss World 1980 (Sucessora)

61th Place – Miss World 1980

Kimberley Santos (Guam)

Kimberley Santos (nascida em 21 de agosto de 1961) tornou-se Miss Mundo 1980 (representando Guam), depois que a Miss Alemanha Gabriella Brum renunciou um dia após sua vitória. O concurso foi realizado em Londres, Reino Unido. Depois de viver em Tóquio e Paris com o marido, e ter dois filhos, eles então se mudaram para Londres e teve seu terceiro filho.

Gabriella Brum (nascida em 22 de março de 1962) da Alemanha venceu o Miss Mundo 1980 18 horas após ter sido coroada a nova Miss Mundo Gabriela foi destituída de seu título, inicialmente alegando que seu namorado era contra. Ela afirmou também que renunciou o título por conta da pressão da mídia, embora que houvesse também alegações de que ela posou nua em uma revista.

Logo após ser coroada, Gabriela disse que não esperava que levaria o título. A bela loira foi coroada quando tinha apenas 18 anos de idade. Promotores disseram que ela foi a primeira Miss Mundo escolhido com base em outras características do que a beleza., onde colocariam a personalidade em primeiro lugar.

Gabriela Brum derrotou outras 66 candidatas. Onde o resultado foi o seguinte.

Miss World 1980: Germany (resigned)

1st Runner Up: GUAM – Kimberly Santos (Assumed Title)
2nd Runner Up: FRANCE – Patricia Barzyk
3rd Runner Up: ISRAEL – Anat Zimmermann
4th Runner Up: UNITED KINGDOM – Kim Ashfield

Top 7:

NEW ZEALAND – Vicky Lee Hemi
UNITED STATES – Brooke Alexander

Top 15:

AUSTRIA – Sonya-Maria Schlepp
BERMUDA – Zina Marie Minks
INDIA – Elizabeth Anita Reddi
JAMAICA – Michelle Ann Harris
PUERTO RICO – Michele Torres Cintron
SWEDEN – Kerstin Monika Jenemark
VENEZUELA – Hilda Astrid Abrahamz Navarro
ZIMBABWE – Shirley Richard Nyanyiwa

Award Contestant
Miss Personality
  •  Canada – Annette Labrecque
Miss Photogenic
  •  Ireland – Michelle Rocca


MISS MUNDO BRASIL 1980

1980 representou o começo de uma nova década e o fim de uma era para o Miss Brasil: o evento não despertava mais o interesse no público brasileiro de outrora, a audiência televisiva despencou.

Miss Mundo Brasil 1980

O império dos Diários e Emissoras Associadas entrou em derrocada junto com a Rede Tupi, emissora que transmitia o evento. Os canais da Rede foram divididos pelo governo entre dois grupos: o Grupo Bloch Editoras, que deu origem à Rede Manchete (1983-1999) e ao Grupo TV SBT Silvio Santos Ltda., que originou em 1981 o Sistema Brasileiro de Televisão (SBT).

O SBT assumiu o Miss Brasil (versão Universo) e deu a ele um novo formato. Passou a produzir também o Miss Brasil (Mundo) apenas em 1983. Em 1981 e 1982 competições específicas já definiam as representantes brasileiras ao Miss Mundo;

Loiane Aiache, de Brasília, foi a última Miss Mundo Brasil eleita no Miss Brasil dos

Diários Associados. Ela não obteve destaque no Miss Mundo;

Gabriella Brum da Alemanha renunciou ao título de Miss Mundo 18 horas após a sua eleição. Segundo Julia Morley, a alemã foi manipulada pelo namorado com quem dividia um apartamento. “É óbvio que tudo isso foi premeditado. Ela poderia ter abandonado o concurso antes de vencê-lo e sair dessa situação com mais dignidade”. A real razão para a renuncia da alemã foi divulgada tempos depois: ela havia pousado nua para uma revista masculina;

Julia Morley ofereceu o título a segunda colocada, Kimberly Santos de Guam, quem aceitou ser Miss Mundo declarando: “Pretendo fazer justiça ao título”. Kimberly foi coroada em Guam, em um catamarã decorado com flores tropicais, em cerimônia assistida por mais de 5000 pessoas que lotavam a praia e aplaudiam a sua Miss Mundo.

Nas primeiras 28 edições do Miss Mundo a Alemanha classificou-se 17 vezes, ou seja, 60% das alemãs obtveram sucesso entre 1952 e 1980, com duas vitórias. Desde a renuncia de Gabriella em 1980, a Alemanha nunca mais voltou a se classificar em 30 tentativas (1981-2010)

Most Beautiful Miss World: 62th Place – Miss World 1992

62th Place – Miss World 1993

Julia Kurotchinka (Russia)

10334421_1547145568832636_7986489944953558052_n

Miss Rússia, Julia Kurotchinka, uma morena impressionantemente alta, foi escolhida Miss Mundo em um espetáculo no continente africano.

Em um sinal da mudança dos tempos em sua antiga pátria comunista, a miss tinha 18 anos era estudante, de olhos azuis, disse que sua ambição “é ser um financista” e viajar pelo mundo.

Ela frequentava uma faculdade financeira.

UK (1st RU), Russia (Winner), Venezuela (2nd RU).

Presidente do Miss Mundo Eric Morley  disse que o resultado foi apertadíssimo, e que a diferença de uma candidata para a outra foi de apenas 1 ponto, entre a primeira e segunda colocada.

A Miss Russia era a mais alta dentre 83 concorrentes do concurso, Ms. Kurotchinka gosta de música clássica e as viagens são seus hobbies, e ela fala russo, Inglês e um pouco de francês.

A nova Miss Mundo anteriormente defendeu a importância de concursos, que têm sido atacados nos últimos anos como inúteis e desrespeitosas das mulheres.

“É um concurso para a ajuda de todo o mundo, porque todo mundo tem que amar as mulheres”, disse ela através de um tradutor.

Vestida com uma roupa preta aparada no ouro, foi carregada em um trono de ouro e pele de zebra em uma maca adornado por elefantes dourados. O trono foi levado por homens em trajes africanos.

Miss United Kingdom foi a segunda colocada daquele ano Claire Smith, de 21 anos, e e terceira coloca foi a Miss Venezuela Francis Gago, de apenas 19 anos de idade. As outras duas finalistas foram Amy Kleinhans da África do Sul, 24 anos, e da Polônia Ewa Wachowicz, com 22 anos de idade.

O concurso, realizado pela primeira vez na África, faziam parte dos eventos brilhantes que marcam a abertura do resort tema de fantasia.

Bophuthatswana é uma pátria negro criado sob o sistema de apartheid da África do Sul para segregar os negros em uma base tribal. O resort é cercado pela pobreza e privação que dominam os países de origem.

Considera-se uma nação soberana, mas apenas a África do Sul reconhece a sua independência e Bophuthatswana não tem permissão para entrar no concurso de Miss Mundo.

Forte segurança parou os planos de grupos da comunidade negra para demonstrar, em protesto contra o show.

Com a presença de pelo menos 6.000 pessoas, o evento foi televisionado em 71 países, atingindo mais de 400 milhões de espectadores, com o resort ostenta uma lista de celebridade internacional.

O mestre de cerimônias foi Billy Dee Williams eo co-anfitrião foi Jerry Hall, a esposa de Mick Jagger. O painel de 12 juízes incluídos Ivana Trump, Gary Player e atriz Joan Collins.

Quadro de 10 Finalistas.

Quadro de 5 Finalistas:

CONTINENTAL QUEENS:

Queen of Africa: SOUTH AFRICA – Amy Kleinhans
Queen of Americas: VENEZUELA – Francis del Valle Gago
Queen of Asia & Oceania: THAILAND – Metinee Kingpayome
Queen of Caribbean Isles: BAHAMAS – Jody Weech
Queen of Europe: RUSSIA – Yuliya Kurochkina

Award Contestant
Best National Costume
  •  Canada – Nina Khilji
Miss Personality
  •  Guatemala – Ana Maria Johanis
Miss Photogenic
  •  Israel – Ravit Asaf


MISS BRASIL

– Pela primeira vez na história um concurso de Miss Brasil era realizado na Região Nordeste, mais especificicamente, em Maceió, Alagoas;

O concurso foi realizado no moderno ginásio Fernando Collor, lotado com mais de 8000 pessoas que aplaudiam as candidatas com entusiasmo. A atração musical da noite foi o grupo Roupa Nova;

Se a produção do concurso foi considerada excelente, a comissão julgadora escolhida pela diretora nacional Marlene Britto gerou críticas: 90% dos jurados eram de São Paulo ou Rio de Janeiro;

A grande favorita da noite era a Miss Pernambuco (foto, direita), Karine Maria de Carvalho Tavares, mais aplaudida até que a candidata alagoana. Na hora do anúncio das 3 primeiras colocadas o público gritava em coro: “Pernambuco! Pernambuco!”. Venceu a paulista, que recebeu faixa e coroa debaixo de estrondosa vaia do público;

O colunista João Alberto de Recife escreveu o seguinte em sua coluna: “Tenho que louvar o trabalho dos alagoanos e deplorar que, mais uma vez, os sulistas tenham feito do Nordeste o quintal do País. Daqui só querem o dinheiro”;

A vencedora, a paulista Priscila Maria Furlan, não se classificou no Miss Mundo, mas teve seus 15 minutos de fama quando namorou o ex-jogador de futebol Pelé. Ela foi eleita Miss América Latina em 1995;

O concurso não foi televisionado em rede nacional;

O Miss Mundo aconteceu em Sun City, na África do Sul, e fez história ao coroar a Miss Rússia, Yuliya Alexandrovna Kurochkina, pouco tempo depois do desmanche da comunista União Soviética. A vitória da russa era sinal de novos tempos também nos concursos de beleza…